1

Coordenação Motora - Orientações





Hoje atendendo a pedidos,  estaremos postando Orientações pedagógicas e sugestões de atividades de coordenação motora encontradas na internet. Espero que sejam úteis.

Bjs



Coordenação Motora


Nosso corpo se mantém em equilíbrio, e graças a isso conseguimos desenvolver movimentos, sejam eles bruscos ou delicados. A essa capacidade de realizar esses movimentos chamamos de coordenação motora.

Exemplo de atividade para trabalhar a coordenação motora da criança 

Exemplo de atividade para trabalhar a coordenação motora da criança

Nosso cérebro manda informações às partes de nosso corpo, e a capacidade que o corpo tem de desenvolver aquele movimento nós chamamos de coordenação motora. Pular, correr, andar, saltar ou realizar tarefas que exijam maior habilidade, como pegar em um lápis, bordar, desenhar, recortar, tudo isso exige de nós coordenação motora. A coordenação motora nos permite realizar os mais diversos movimentos coordenados. Na coordenação motora ocorre participação de alguns sistemas do corpo humano, como sistema muscular, sistema esquelético e sistema sensorial. Com a interação desses sistemas obtêm-se reações e ações equilibradas. A velocidade e a agilidade com que a pessoa responde a certos estímulos medem a sua capacidade motora.

Podemos classificar a coordenação motora de duas maneiras: coordenação motora grossa e a coordenação motora fina.

Na coordenação motora grossa verificamos o uso de grupos de músculos maiores e o desenvolvimento de habilidades como correr, pular, chutar, subir e descer escadas, que podem ser desenvolvidas a partir de um plano sistemático de exercícios e atividades esportivas. Quando se tem déficit nessas habilidades, verificamos dificuldades, por parte principalmente de crianças, em praticar atividades esportivas, o que acaba gerando baixa autoestima.

Na coordenação motora fina verificamos o uso de músculos pequenos, como das mãos e dos pés. Ao desenhar, pintar, manusear pequenos objetos, a criança realiza movimentos mais precisos, delicados, e desenvolve habilidades que a acompanharão por toda a vida.

É possível observar a coordenação motora de um indivíduo desde pequeno. A criança responde aos estímulos de várias formas e cabe ao professor, nas primeiras séries, trabalhar a motricidade da criança. Ao aprender a pintar dentro de espaços delimitados a criança já começa a desenvolver sua coordenação, à medida que ela for sendo alfabetizada, aumentará a sua capacidade motora.

Mas não é somente em crianças que se desenvolve a motricidade. Em pessoas idosas ou pessoas que tenham certas limitações físicas, também é preciso trabalhar a coordenação motora. Com o auxílio do profissional a pessoa desenvolve os grupos musculares e exercita o cérebro, para conseguir manter o equilíbrio e realizar atividades que requerem movimentos precisos, fortes e rápidos. 

Por Paula Louredo
Graduada em Biologia





Coordenação Motora




Jogos e atividades com bola ajudam a conhecer o corpo e desenvolvem a coordenação motora de crianças em fase de alfabetização
Três exemplos de atividades e dá uma dica sobre a diversidade de materiais:

Basquete quando bate a bola no chão, imitando o fundamento do jogo, a criança precisa coordenar o movimento das mãos com o dos olhos. "Exatamente o mesmo que ocorre na escrita"

Conduzir um pneu ou arco pela quadra essa brincadeira trabalha a motricidade fina e exige o movimento de molinete (aquele girar de punho do pescador que fisgou um peixe).

Lançar a bola ao alto, bater palmas e pegá-la novamente esse exercício traz um balaio de cálculos embutido. Quando o número de palmas cresce (o professor pode propor isso como regra), há três saídas para a criança: 1) lançar a bola mais alto (aumento da força); 2) bater palmas mais rapidamente (aumento do ritmo); 3) agachar-se para pegar a bola (aumento da distância percorrida). "É uma operação de fundo lógico-matemático que trabalha diversos conceitos e exercita o tônus muscular".O treino do músculo é essencial para segurar o lápis com a força correta.

Bolas diferentes como as crianças nessa fase precisam experimentar conceitos como grande e pequeno, leve e pesado etc., e trabalhar com bolas de vários pesos e tamanhos.



Coordenação Motora - Brincadeira com Massinha





Coordenação Motora - Colagem



Rasgar uma folha de papel crepom,fazer várias bolinhas para uma colagem
Dicas de alguns materiais de colagem(feijão,pipoca,milho,pedaços de tecidos,
ou botões)


COORDENAÇÃO MOTORA GROSSA E FINA


A coordenação motora da criança é estimulada desde cedo, mesmo que involuntariamente, ou seja mesmo que os pais não tenham esta consciência. Através de movimentos com as mãozinhas para pegar objetos, depois os primeiros passinhos, o rastejar no tapete, tudo isso engloba o desenvolvimento da coordenação motora.
Já em fase pré-escolar a coordenação é ‘treinada’ em atividades especificas para a idade, como exercicios motores de desenhos, simbolos, etc.
Para compreender melhor o significado da coordenação motora veja abaixo uma explicação mais detalhada:

Coordenação motora é a capacidade de coordenação de movimentos decorrente da integração entre comando central (cérebro) e unidades motoras dos músculos e articulações.

Classifica-se a coordenação motora em dois grupos.

- Coordenação motora grossa
Este tipo de coordenação permite a criança dominar o corpo no espaço, controlando os movimentos mais rudes.
Ex: andar,correr,saltitar,pular,subir/descer escadas,rastejar, etc.


- Coordenação motora fina
É a capacidade de usar de forma eficiente e precisa os pequenos músculos, produzindo assim movimentos delicados e específicos. Este tipo de coordenação permite dominar o ambiente, propriciando manuseio dos objetos. Ex:escrever,pintar,desenhar,recortar,encaixar,
montar/desmontar,empilhar,costurar,abotoar/desabotoar e digitar.


Fonte: http://johannaterapeutaocupacional.blogspot.com.br














1 comentários:

Postar um comentário